Domingo, 21 de Julho de 2024 20:30
61998647854
Saúde Saúde

Lei institui diretrizes para primeiro emprego para enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem

Publicada nesta quinta-feira (20) no Diário Oficial do Distrito Federal, a Lei nº 7.295/2023, de autoria da deputada Dayse Amarilio (PSB), institui...

20/07/2023 15h31
Por: Redação Fonte: Agência CLDF
Foto: Renan Lisboa (estagiário)/Agência CLDF
Foto: Renan Lisboa (estagiário)/Agência CLDF

Publicada nesta quinta-feira (20) no Diário Oficial do Distrito Federal, a Lei nº 7.295/2023, de autoria da deputada Dayse Amarilio (PSB), institui diretrizes para a implantação da Política Distrital de Primeiro Emprego para Enfermeiros, Técnicos e Auxiliares de Enfermagem. Segundo a autora da nova legislação, a finalidade é promover a inserção desses profissionais no mercado de trabalho.

De acordo com o texto, a Política Distrital tem como objetivos inserir pessoas aptas no mercado de trabalho; promover a capacitação profissional das pessoas com esta formação; estimular parcerias com entidades do terceiro setor; contribuir para a existência de uma cultura de respeito aos direitos trabalhistas desses indivíduos; e estimular organismos governamentais e privados na geração de emprego e renda para este público.

A parlamentar, que é enfermeira obstetra, comemorou a publicação. “Agora, a enfermagem do DF terá o apoio institucional na busca pelo primeiro emprego”, diz. “Esse é um sonho antigo que agora começa a virar realidade graças ao apoio do governo e de parceiros como a Fecomércio DF e o Sistema S”, ressalta Dayse Amarilio.

Segundo a distrital, o objetivo é que “esta política garanta os direitos de todos os profissionais de enfermagem no exercício da profissão, conforme pressupostos e princípios legais, éticos e dos direitos humanos”.

Proteção Trabalhista

A Lei estabelece ainda que a Política Distrital de Primeiro Emprego assegure a esses profissionais a proteção da legislação trabalhista e das convenções ou acordos coletivos de trabalho ou decisões normativas aplicáveis à categoria profissional a que estejam vinculados; acesso ao ensino e jornada de trabalho compatível com seu horário de ensino; que as relações de emprego beneficiadas com incentivos estejam regulares perante a legislação federal do trabalho e da previdência, cabendo ao empregador todos os ônus legais, inclusive os encargos sociais; que o encaminhamento a postos de trabalho obedeça à ordem cronológica de inscrição, respeitadas as prioridades para preenchimento das vagas; e que profissionais oriundos de famílias em situação de pobreza e que estejam cursando o ensino fundamental tenham prioridade para preenchimento dos postos de trabalho.

* Com informações da assessoria de imprensa da deputada Dayse Amarilio

Luís Cláudio Alves - Agência CLDF

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Brasília, DF
Atualizado às 16h02
24°
Tempo limpo

Mín. 13° Máx. 25°

23° Sensação
4.63 km/h Vento
33% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (22/07)

Mín. 13° Máx. 24°

Tempo limpo
Amanhã (23/07)

Mín. 14° Máx. 25°

Tempo limpo
Ele1 - Criar site de notícias