Quarta, 16 de Junho de 2021 20:48
61998647854
Dólar comercial R$ 5,06 0.34%
Euro R$ 6,08 -0.59%
Peso Argentino R$ 0,05 +0.23%
Bitcoin R$ 204.954,74 -4.539%
Bovespa 129.259,49 pontos -0.64%
Economia Comércio

Lei muda as regras para empresas do DF; não precisa mais traduzir o nome

A legislação anterior criava uma “obrigação desnecessária àqueles que querem trabalhar

23/05/2021 23h21
Por: Redação Fonte: Redação
Retirar imposições facilita a vida dos empresários
Retirar imposições facilita a vida dos empresários

Os empresários do Distrito Federal não precisam mais traduzir o nome de suas empresas para efetuar o registro. Foi publicada no Diário Oficial do DF a Lei 6.855/2021, que revoga a Lei Distrital nº 1.877/1998, que obrigava a tradução da denominação de firmas comerciais registradas com vocábulos estrangeiros.

A nova diretriz foi aprovada pela Câmara Legislativa do Distrito Federal.

Na opinião da autora, a legislação criava uma “obrigação desnecessária àqueles que querem trabalhar, gerar renda e emprego no Distrito Federal, e não representa nenhum benefício para a sociedade”. Segundo ela, ao revogar a norma o DF se atualiza com a economia globalizada, destacando que a cidade já abriga famosas multinacionais como Subway, Domino's Pizza, L'Occitane, entre outras.

A CLDF destaca que a Lei vai melhorar ambiente de negócios, dando segurança jurídica aos empreendedores, com menos burocracia e com maiores possibilidades para  que  os  cidadãos  do  Distrito  Federal  possam  empreender  e  crescer,  gerando  renda  e prosperidade para si e seus familiares.

De acordo com a norma revogada, as marcas poderiam ser em nome estrangeiro e somente a razão social deveria ser grafada em português.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias