Quarta, 16 de Junho de 2021 20:06
61998647854
Geral Pandemia

GDF ignora críticas e trabalha para levar 800 cestas básicas a mães carentes

Por meio do Comitê Todos Contra a Covid, também foram doados kits de higienização

10/05/2021 08h55
Por: Redação Fonte: Redação
Governador e vice-governador entregaram cestas e kit de higiene (combate a Covid-19)
Governador e vice-governador entregaram cestas e kit de higiene (combate a Covid-19)

Uma parceria entre o Comitê Todos Contra a Covid e o Instituto Aidê Araújo proporcionou alegria a cerca de 800 famílias carentes de Ceilândia. As mães receberam no sábado cestas básicas e kits de higienização, em comemoração ao Dia das Mães. A iniciativa é uma mensagem direta e indireta que o Governo do Distrito Federal dá para quem ainda não entendeu que o momento é de união e esforços para enfrentar os desafios da pandemia.

“Como algumas mães passariam o seu dia sem ter o que comer em casa? Isso me fez clamar a Deus por uma solução que chegou melhor do que eu pedi”, disse Aidê Araújo, fundadora do Instituto, agradecida pela quantidade de cestas recebidas.

Ela, que é mãe de cinco filhos e mais netos, bisnetos e até tataranetos, sentiu-se tocada pela situação. “Eu não poderia deixar que outras mães, como eu, ficassem sem ter o que dar a seus filhos justamente no dia que era pra ser especial”, explicou.

As arrecadações vieram de empresas e órgãos governamentais, além dos membros do instituto, que compraram as cestas. Já a equipe do Comitê Todos Contra a Covid também participou da ação com distribuição de máscaras e álcool gel, alentando sobre os cuidados a serem tomados para combater a transmissão e contágio do vírus: o distanciamento social, a proteção pessoal e a higienização constante das mãos.

Nos últimos meses, o meio político passou a ter um novo comportamento com a aproximação das eleições do próximo ano. Enquanto muitos se dedicam a ocupar todo o tempo com CPI - alguns pedindo CPI e outros querendo mídia às custas da CPI, pensar suas campanhas eleitorais e tentar polemizar com passeatas populistas, a gestão estratégica do DF mantém o foco na agenda de trabalho, especialmente nas áreas da saúde e social.

As cestas deste fim de semana e os kits foram entregues pelo governador Ibaneis Rocha e pelo vice-governador Paco Britto, que é presidente do Comitê. Também participaram o secretário de Atendimento à Comunidade, Severino Cajazeiras; e o administrador de Ceilândia, Marcelo Piauí.

Proteção

O comitê entregou ao todo cerca de 2.375.300 máscaras e 303.580 unidades de álcool em gel. “O governo tem procurado reduzir o impacto da crise para as famílias mais carentes. Já atendemos a 700 mil pessoas com algum tipo de auxílio, estamos gerando empregos com obras públicas, mas este tipo de ação que vemos hoje também é importante”, disse o governador Ibaneis Rocha.

O Instituto

O Instituto Aidê Araújo nasceu a partir da ideia de Márcia Araújo, filha de dona Aidê, morta aos 18 anos em um acidente de carro. “Ainda em seu leito de morte, minha filha, que já fazia esse trabalho na igreja, me pediu que eu o continuasse”, lembrou a fundadora.

“Não posso deixar de agradecer por tamanha alegria ao ver que esse mesmo desejo ainda hoje traz a felicidade para tantas mães que amanhã terão um dia melhor”, concluiu dona Aidê.

Com o auxílio da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), os beneficiados foram organizados em fila.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias